· 

“MOMENTOS PORTAS DESLIZANTES”??!

Por FamilylifeFIVE* #13

@AnArmAndAMeg  on @unsplash
@AnArmAndAMeg on @unsplash

Uma das descobertas mais importantes e surpreendentes durante os quarenta anos de pesquisa do Dr. John Gottman foram os “Sliding Door Moments” "momentos portas deslizantes". A sua investigação mostra que a maneira como os casais reagem nessas situações tem um enorme impacto sobre se os seus relacionamentos desmoronam ou sobrevivem a longo prazo.


“Momentos portas deslizantes” são aqueles momentos da vida quotidiana em que um dos cônjuges abre uma porta para criar uma conexão emocional com o outro, esperando uma reação positiva - um abraço, um sorriso, um acordo ou um reconhecimento.


Por exemplo, abre-se uma porta deslizante quando o marido procura a confirmação da sua mulher quando estão no carro.  "Viste como este se pôs à minha frente!?"  Ou quando uma mulher quase acidentalmente toca no braço do marido durante uma discussão acesa. Mesmo uma expressão facial preocupada no rosto de uma pessoa é uma abertura, uma oportunidade para o outro perceber que algo a está a incomodar e perguntar sobre isso. Esse tipo de gestos criam conexão e oferecem oportunidades de relacionamento. Quando um parceiro entra pela porta deslizante - aceitando a oferta de se envolver no relacionamento - a confiança aumenta. Mas se os momentos de portas deslizantes vão e vêm sem reação, o relacionamento acabará por desmoronar.  Medo de rejeição significa que uma pessoa abrirá a porta deslizante com menos frequência. Cada vez que o gesto é ignorado, parece que se está a bater com a porta na cara do cônjuge que já teve que superar muito para a abrir.


É fácil perder esses momentos de abertura, especialmente quando se está cansado ou stressado. É preciso vontade, consciência e prática para reconhecer que tipo de porta é que a outra pessoa geralmente lhe abre.


André e Simone tiveram uns dias difíceis. A Simone não ficou muito entusiasmada quando o André lhe disse durante o jantar que os seus pais iriam visita-los no fim-de-semana. André não conseguiu entender a reação dela. Ambos ficaram em silêncio, a tensão era palpável.  Então Simone discretamente comentou sobre a refeição: "Hmmm, que bom". Isso é a abertura de uma porta deslizante. Agora, André pode decidir se ele quer passar pela

porta ou não. Ele poderia dizer algo como: "Ainda bem que estás a gostar. Queres que te sirva mais?" Ou ele poderia fingir que não a ouviu, ignorando o momento de abertura, e continuar a ficar amuado em silêncio.


O conjunto de decisões que tomamos ao longo do tempo sobre como reagir a estes momentos de abertura terão um impacto significativo no sucesso do relacionamento.


Passando para o próximo nível no nosso relacionamento:

Fique atento às portas deslizantes que o seu cônjuge lhe está a abrir. Quais portas reconheceu recentemente? Como reagiu?


*Blog de FamilyLife Suiça com a Máxima FamilylifeFIVE - 5 minutos para o seu relacionamento

 

 

CONTACTOS

NACIONAL e LISBOA - Júnia Barbosa - 914702199 - info@familylife.pt

PORTO - Miriam Pego - 936114343 - porto@familylie.pt